Eleições: veja os candidatos que disputam o 2º turno para governador

No próximo domingo (30), mais de 156 milhões de eleitores em todos os 5.570 municípios do país e em 181 localidades no exterior, segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), poderão escolher os nomes que vão ocupar os cargos de presidente da República e governador em 12 estados do país. Nas outras 15 unidades da federação, a escolha foi definida no primeiro turno. 

Segundo dados do TSE, 123.682.372 compareceram às urnas. Os votos válidos totalizaram 118.229.719. A abstenção representou 20,95% do total enquanto o votos nulos foram 3.487.874 (2,82% do total) e os votos em branco somaram 1.964.779 (1,59%). No total, foram apuradas 472.075 seções eleitorais.

A disputa para governador e vice-governador ocorre nos estados de Alagoas, Amazonas, Bahia, Espírito Santo, Mato Grosso do Sul, Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Sul, Rondônia, Santa Catarina, São Paulo e Sergipe.

Confira os candidatos a governador nos 12 estados com disputa no segundo turno:

AMAmazonas

Wilson Lima (União Brasil) nº 44

Aos 46 anos é candidato à reeleição. Ele é formado em jornalismo e natural de Santarém (PA). Lima recebeu 42,82% dos votos válidos no primeiro turno e saiu na frente na disputa. Foi repórter, radialista e apresentador do programa Alô Amazonas. O vice-governador na chapa é Tadeu de Souza (Avante), 50 anos.

Eduardo Braga (MDB) nº 15

61 anos, atualmente exercendo o cargo de senador pelo segundo mandato consecutivo, já foi governador do Amazonas em duas ocasiões e prefeito de Manaus. Teve 20.99% dos votos válidos no primeiro turno. Também foi eleito deputado estadual e deputado federal. O candidato foi ainda titular do Ministério de Minas e Energia. Ele terá como vice a secretária nacional de Mulheres do PT, Anne Moura.

RORondônia

Coronel Marcos Rocha (União Brasil) nº 44

54 anos, vai tentar a reeleição. Natural do Rio de Janeiro, ele é formado em análise de sistema de dados, administração de negócios, e pós-graduado em educação e técnicas de ensino. Teve 38,88% dos votos válidos. Rocha também já foi secretário de Justiça de Rondônia. O administrador Sérgio Gonçalves (União Brasil), 48 anos, será o vice.

Marcos Rogério (PL) nº 22

44 anos, atualmente ocupando o cargo de senador, é natural de Ji-Paraná (RO). Teve 37,05% dos votos válidos no primeiro turno. Já exerceu o cargo de deputado federal. Bacharel em direito, tem mestrado em administração pública. A vice na chapa é a médica Flávia Lenzi, 56 anos, do mesmo partido.

reg-centro-oeste.png

MSMato Grosso do Sul

Capitão Contar (PRTB) nº 28

Formado pela Academia Militar das Agulhas Negras (Aman), o capitão do Exército Renan Contar, de 38 anos, é candidato pelo PRTB ao governo do estado. Teve 26,71% dos votos válidos no primeiro turno. Eleito em 2018, atualmente é deputado estadual e presidente da Comissão de Turismo, Indústria e Comércio da Assembleia Legislativa. O advogado Beto Figueiró, 54 anos,do mesmo partido, é o candidato a vice.

Eduardo Riedel (PSDB) nº 45

O empresário Eduardo Riedel, de 53 anos, é candidato da federação PSDB/Cidadania em coligação com Republicanos, PP, PSB, PL e PDT. Teve 25,16% dos votos válidos. Já foi presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae e diretor da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), além de ter sido secretário estadual de Governo e de Infraestrutura. O deputado estadual Barbosinha, do PP, é o candidato a vice.

 

ALAlagoas

Paulo Dantas (MDB) nº 15

O atual governador do estado, eleito de forma indireta em maio, Dantas, 43 anos, é formado em administração de empresas. Teve 46,64% dos votos válidos no primeiro turno. Deputado estadual, renunciou ao cargo para assumir o mandato-tampão como governador de Alagoas, após renúncia de Renan Filho. Também já foi prefeito de Batalha (AL), por dois mandatos consecutivos. Ronaldo Lessa (PDT), atual vice-prefeito de Maceió, será o candidato a vice.

Rodrigo Cunha (União Brasil) nº 44

Atual senador do estado, Cunha, 41 anos, é advogado, com pós-graduação em gestão de projetos e direito do consumidor. Recebeu 26,79% dos votos válidos no primeiro turno. Foi superintendente do Procon em Alagoas. Também já foi deputado federal por um mandato, antes de ser eleito senador. Natural de Arapiraca, segunda maior cidade do estado, ele é filho de Ceci Cunha, deputada federal assassinada em 1998. A deputada estadual Jó Pereira (PSDB), 48 anos, concorre ao cargo de vice.

BABahia

Jerônimo (PT)nº 13

Jerônimo Rodrigues Souza, 57 anos, é ex-secretário de Educação e professor licenciado da Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS). Teve 49,45% dos votos válidos no primeiro turno. Rodrigues também já ocupou o cargo de secretário nacional do Desenvolvimento Social e assessor especial da Secretaria de Planejamento e secretário de Desenvolvimento Rural. Formado em engenharia agronômica, nasceu em Aiquara (BA) e esta vai ser sua primeira disputa em uma eleição. Geraldo Júnior (MDB), 53 anos, será o vice.

ACM Neto (União Brasil) nº 44

Nascido em Salvador, ACM Neto, 43 anos, foi prefeito de Salvador por oito anos, entre 2013 e 2020. Teve 40,88% dos votos válidos no primeiro turno. Também já ocupou o cargo de deputado federal. Ele é advogado, e neto do ex-governador da Bahia e senador Antônio Carlos Magalhães (1927-2007). A vice na chapa será a empreendedora Ana Coelho (Republicanos), 40 anos.

PBParaíba

João Azevêdo(PSB) nº 40

João Azevêdo Lins Filho, 69 anos, atual governador da Paraíba, é engenheiro civil. Teve 39,65% dos votos válidos no primeiro turno. Natural de João Pessoa, foi secretário de Planejamento da prefeitura de Bayeux, secretário de Infraestrutura de João Pessoa e secretário de Infraestrutura, Recursos Hídricos, Meio Ambiente e Ciência e Tecnologia da Paraíba. O atual vice-prefeito de Campina Grande, Lucas Ribeiro (Progressistas), 33 anos, é o candidato a vice-governador.

Pedro Cunha Lima (PSDB) nº 45

Natural de Campina Grande, Cunha Lima, 34 anos, é deputado federal, tendo sido eleito pela primeira vez em 2014 e reeleito em 2018. Recebeu 23,9% dos votos válidos. Advogado e professor, o candidato vem de uma tradicional família política do estado. Seu pai é o ex-senador Cássio Cunha Lima e seu avô é o ex-governador Ronaldo Cunha Lima. Pedro se elegeu deputado federal pela primeira vez em 2014 e foi reeleito em 2018. Domiciano Cabral, 67 anos, é o candidato a vice.

PEPernambuco

Marília Arraes (Solidariedade) nº 77

Neta do ex-governador de Pernambuco Miguel Arraes, Marília, 38 anos, iniciou sua militância ainda jovem no movimento estudantil na Faculdade de Direito do Recife. Recebeu mais de 1,17 milhão, 23,97% dos votos válidos. Atualmente, é deputada federal e foi vereadora de Recife por três mandatos. Já disputou a prefeitura do Recife em 2020. Sebastião Oliveira (Avante), 54 anos, será vice na chapa.

Raquel Lyra (PSDB) nº 45

Servidora concursada da Procuradoria-Geral do Estado, 44 anos, Raquel é formada em direito pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), com pós-graduação em direito econômico e de empresas. Teve 1.009.556 votos (20,58% dos votos válidos). Se elegeu deputada estadual por duas vezes e foi secretária da Infância e Juventude do Estado. Foi eleita prefeita de Caruaru (PE) em 2016 e reeleita em 2020. A vice na chapa será a deputada Priscila Krause (Cidadania), 44 anos.

SESergipe

Rogério Carvalho (PT) nº 13

Médico e professor, Carvalho, 54 anos, já trabalhou como secretário de Saúde de Aracaju, deputado estadual e federal, secretário de Saúde do estado de Sergipe. Teve mais de 44,7% dos votos válidos no primeiro turno. Natural de Lagarto (SE), atualmente é senador e vai disputar a sua primeira eleição para o governo do estado. O empresário Sérgio Gama (MDB), 48 anos, será o vice na chapa.

Fábio (PSD) nº 55

Fábio Cruz Mitidieri, 45 anos, é deputado federal por dois mandatos e também já foi vereador de Aracaju. Teve 38,91% dos votos válidos no primeiro turno. Natural da capital sergipana, ele é formado em administração e já ocupou os cargos de secretário municipal de Esportes e de Estado de Trabalho. Para vice, o partido anunciou o nome do empresário Zezinho Sobral (PDT), 57 anos.

 

ESEspírito Santo

Renato Casagrande (PSB) nº40

José Renato Casagrande, 61 anos, atual governador do Espírito Santo, nasceu no município de Castelo (ES). Fi o candidato ao governo do estado com mais votos no primeiro turno, com 976.652 votos (46,94% dos votos válidos). É formado em engenharia florestal, pela Universidade Federal de Viçosa (UFV), e em direito, pela Faculdade de Direito de Cachoeiro de Itapemirim. É casado e tem dois filhos. Foi senador, deputado federal, vice-governador e deputado estadual. O vice na chapa é o ex-senador e empresário Ricardo Ferraço, 59 anos.

Manato (PL) nº 22

O empresário Carlos Humberto Mannato, 65 anos, é o candidato da coligação PTB/PL. Ele foi eleito deputado federal em 2014. Teve 38,48% dos votos válidos no primeiro turno das eleições. O vice na chapa é o empresário Bruno Lourenço, 39 anos, do mesmo partido.

SPSão Paulo

Tarcísio (Republicanos) nº 10

Tarcísio Gomes de Freitas é servidor público de carreira, 47 anos, é formado pela Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN) e graduado em engenharia no Instituto Militar de Engenharia. Fez parte da missão de paz da Organização das Nações Unidas (ONU) no Haiti. Trabalhou nas áreas de infraestrutura e investimento, foi presidente do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), e ministro da Infraestrutura. Saiu na frente no primeiro turno, com mais de 9,1 milhões de votos (42,32%) do total dos votos válidos. O vice na chapa é o administrador Felicio Ramuth.

Fernando Haddad (PT)nº 13

É professor universitário e cientista político, tem 55 anos. É formado em direito pela Faculdade do Largo São Francisco e doutor em filosofia. Leciona ciência política na USP. Foi ministro da Educação e prefeito de São Paulo. Teve 35,70% dos votos válidos (8.337.139 votos). É casado com Ana Estela Haddad e pai de dois filhos. A vice na chapa é a diretora escolar Lucia França.

 

reg-sul.png

RSRio Grande do Sul

Onyx Lorenzoni (PL) nº 22

Gaúcho de Porto Alegre, Onyx Lorenzoni, 68 anos, é médico veterinário, foi duas vezes deputado estadual no Rio Grande do Sul e está no quinto mandato como deputado federal. Obteve obteve 2.382.026 votos (37,50% dos votos válidos) no primeiro turno das eleições, saindo na primeira posição. Foi ministro da Casa Civil e do Trabalho e Previdência Social. Concorre a governador pela chapa Republicanos/ Patriota/ Pros/ PL. A vice na chapa é a professora Cláudia Jardim, 40 anos, do mesmo partido.

Eduardo Leite (PSDB) nº 45

Bacharel em direito pela Universidade Federal de Pelotas, o tucano de 37 anos estudou também gestão pública na Universidade de Columbia, nos EUA, e fez mestrado em gestão e políticas públicas na Fundação Getulio Vargas (FGV), em São Paulo. Foi presidente da Câmara dos Vereadores e prefeito de Pelotas (RS). Em 2018, foi eleito governador do Rio Grande do Sul com 33 anos de idade. Teve 26,81% dos votos válidos, ao receber 1.702.815 votos, no primeiro turno. O vice na chapa, Gabriel Souza (MDB), 38 anos, foi eleito deputado estadual em 2014 e 2018.

SCSanta Catarina

Jorginho Mello (PL) nº 22

66 anos, nascido na cidade de Ibicaré (SC), foi vereador em Herval d’Oeste (SC), deputado estadual e presidente da Assembleia Legislativa de Santa Catarina, governador interino do estado e duas vezes deputado federal. Ficou em primeiro lugar na disputa, com 1,57 milhão de votos, 38,65% do total. Está no segundo ano de mandato como senador. Formado em direito e estudos sociais, foi gerente e diretor do Banco do Estado de Santa Catarina (BESC). A candidata a vice é a Delegada Marilisa (PL).

Décio Nery de Lima (PT) nº 13

62 anos, nascido em Itajaí (SP), está em seu terceiro mandato como deputado federal pelo estado de Santa Catarina. Foi o segundo colocado no primeiro turno, com 710.859 (17,42%) dos votos. É formado em direito pela Universidade do Vale do Itajaí (Univali) e ciências sociais pela Fundação de Ensino do Pólo Geoeducacional do Vale do Itajaí (Fepevi). Foi prefeito de Blumenau (SC). Casou-se com Ana Paula Lima, com quem teve dois filhos. A candidata a vice é Bia Vargas (PSB).

 

Fonte:

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *