Ligue-se a nós

Senado Federal

Kajuru cobra sabatina de André Mendonça na CCJ — Senado Notícias

Publicado

em

20211117_01120w.jpg

Em pronunciamento nesta quarta-feira (17), o senador Jorge Kajuru (Podemos-GO) questionou o presidente da Casa, Rodrigo Pacheco, sobre a sabatina do ex-ministro da Justiça e ex-advogado-geral da União André Mendonça na Comissão de Constituição e Justica (CCJ). Mendonça foi indicado pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, a uma vaga no Supremo Tribunal Federal (STF).

Pacheco respondeu que fez um apelo a todos os presidentes de comissões para que as sabatinas pendentes sejam realizadas durante o esforço concentrado, que começa no dia 30 de novembro. O presidente da Casa ressaltou que o Senado está funcionando de maneira semipresencial, e as sabatinas exigem a presença física dos parlamentares, pois as votações são presenciais e secretas. 

— Eu fiz essa solicitação ao presidente da CCJ, Davi Alcolumbre [DEM-AP], para que nesse esforço concentrado haja a sabatina de todos aqueles nomes pendentes. Fica obviamente a critério de cada comissão poder designar a data e período para a sabatina de todos os candidatos, inclusive a de André Mendonça — afirmou Pacheco.

Anúncio

Moro

No pronunciamento, Jorge Kajuru também destacou a fiiação do ex-juiz e ex-ministro da Justiça, Sergio Moro, na cerimônia de filiação ao Podemos. Segundo o senador, Moro deixou claro que a busca de soluções para o Brasil passa pelo combate à corrupção. 

— Um renascer de esperança, na qual Moro fez uma radiografia dos problemas do país e colocou-se na disputa política com o objetivo de superar os graves problemas que enfrentamos. 

O senador afirmou que a corrupção é um mal crônico do Brasil, sendo uma “doença social que nos afeta por completo e é pouco percebida”. 

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Anúncio

Fonte: Agência Senado

Comentarios

Mais Lidos